Veja onde buscar atendimento em Betim para casos de dengue, zika e chikungunya

0
146
Arquivo/PMB

Betim vem registrando um aumento do número de casos de dengue e chikungunya, o que, por consequência, gera maior demanda por atendimentos nas unidades de saúde da rede pública. Por isso, a prefeitura reforça a orientação aos moradores sobre os locais adequados para buscar atendimento em caso de sintomas de dengue, chikungunya ou zika. A instrução é importante, sobretudo, para que o tempo de espera por assistência nas unidades do SUS Betim seja menor.

Em caso de febre alta, fortes dores de cabeça, dor atrás dos olhos e no corpo, manchas e erupções na pele, cansaço extremo, náuseas e vômitos, os moradores devem se dirigir à Unidade Básica de Saúde de referência. As UBSs funcionam de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h. 

UPA deve ser procurada em casos mais graves

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

As Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) – voltadas para atendimentos de urgência e emergência – devem ser procuradas em casos de sintomas como dor abdominal intensa e sinais de hemorragia. Betim conta com quatro UPAs – Norte, Teresópolis, Alterosas, Guanabara – e com o Pronto Atendimento do Hospital da Colônia Santa Isabel, no Citrolândia. O atendimento pediátrico de urgência para crianças com idade inferior a 13 anos é ofertado nas UPAs Alterosas, Teresópolis e Norte. As UPAs funcionam 24 horas, ininterruptamente. 

“A UPAs são destinadas ao atendimento de casos mais graves das doenças e para situações de urgência e emergência. Dessa forma, para evitar a lotação dessas unidades e um maior tempo de espera por atendimento, pedimos às pessoas que apresentam sintomas menos agudos a procurar as Unidades Básicas de Saúde durante a semana, onde terão um atendimento mais oportuno”, orienta o diretor de Urgência e Emergência, Wesley Vieira. 

Os endereços das UBSs e UPAs podem ser acessados no site da prefeitura pelo link https://encurtador.com.br/ekmz8

*Com informações de PMB