Câmara de São Joaquim de Bicas reduz salário de assessores

0
1047

Além do corte no salário, assessores ainda terão que bater ponto
 
Na primeira reunião extraordinária de 2017, realizada na manhã do último dia 16, a Câmara Municipal de Bicas aprovou por unanimidade o projeto que reduz o salário dos assessores em 30%, além de tornar obrigatório o cumprimento da carga horária através do ponto biométrico.  

Até então os assessores dos vereadores não batiam ponto, como acontece na maioria das Câmaras Municipais do país, onde muitos dos detentores desses cargos sequer vão trabalhar.

De acordo com o Procurador Jurídico da Casa, Dr. Bruno Ribeiro, a economia anual será de R$ 108.813,94, valor que será devolvido à prefeitura, para que possa ser investido em benfeitorias para os moradores.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Durante discurso, o presidente da Câmara, Fabinho do Bar, fez um balanço de suas ações visando a redução de custo do Poder Legislativo, “Acabamos com a verba indenizatória, verba para gasolina, celular corporativo, e posso garantir que na região a nossa Câmara é a que mais economiza”, enfatizou. A economia nos próximos quatro anos será de aproximadamente 400 mil reais.