Betim inicia aplicação da dose de reforço da vacina bivalente contra a covid-19 para público prioritário

0
175
Divulgação/PMB

A Prefeitura de Betim iniciou, nesta sexta-feira (8), a aplicação da dose de reforço da vacina bivalente contra a covid-19 para pessoas com 60 anos ou mais e pessoas imunocomprometidas acima de 12 anos. Pode receber o reforço o público prioritário que tenha tomado a primeira dose bivalente há pelo menos seis meses. A medida segue recomendação do Ministério da Saúde, que registrou aumento de casos da covid-19 nos Estados do Ceará, Espírito Santo e Pernambuco. Além disso, o órgão federal identificou a chegada da sublinhagem BA.2.86 do vírus SARS-CoV-2 no Brasil. A dose de reforço está disponível nas 38 Unidades Básicas de Saúde da cidade, das 8h às 17h. 

“Para evitar o aumento do contágio, recomendamos às pessoas que mantenham sua situação vacinal em dia e retomem as medidas de prevenção, como higienizar as mãos frequentemente, cobrir o rosto ao espirrar ou tossir, e, se apresentar sintomas gripais, usar a  máscara”, explica a referência técnica em Imunização de Betim, Ana Paula Macedo, que cita também que outro fator preocupante é que, desde o primeiro ano da pandemia, o intervalo entre os meses de dezembro e janeiro registra aumento de casos de covid-19 no país. O aumento está relacionado à alta da circulação e aglomeração de pessoas em razão das festas de fim de ano e do período de férias. 

Além da dose de reforço da vacina bivalente para idosos e pessoas imunossuprimidas, as demais vacinas contra a covid-19 estão disponíveis para todos os cidadãos com idade a partir de 6 meses, conforme o esquema vacinal, em todas as UBSs da cidade. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Os cuidados não farmacológicos para reduzir o risco o contágio também devem ser observados pela população. São eles:

– manter boa ventilação dos ambientes;

– evitar aglomerações e ambientes fechados ou mal ventilados;

– cobrir o rosto ao espirrar ou tossir;

– higienizar as mãos com água e sabão ou álcool 70%.

Se apresentar algum sintoma gripal:

– use máscara;

– busque atendimento médico e faça o teste;

– evite o contato mais próximo com outras pessoas;

– monitore os sintomas e, em caso de sinais de agravamento, procure um serviço de saúde; 

– mantenha ambientes ventilados, limpos e desinfectados. 

 

*Com informações de PMB