Morre Sargento baleado durante perseguição policial

0
154
Reprodução / Internet

A Polícia Militar de Minas Gerais confirmou o falecimento do Sargento Roger Dias, de 29 anos, baleado durante uma ação policial em Belo Horizonte, na última sexta-feira (5).

Segundo a PM, o agente estava em serviço quando avistou indivíduos suspeitos de roubo a veículo e decidiu abordá-los. Os homens acabaram batendo o carro em um meio-fio e fugiram do local, o policial então correu e conseguiu alcançar um deles, que recebeu ordem para se entregar, mas acabou efetuando dois tiros contra o militar. As cenas foram registradas por câmeras de segurança.

De acordo com a PM, o autor dos disparos contra o militar foi beneficiado pela “saidinha” temporária de Natal e Ano Novo. O criminoso possui 18 registros na ficha policial, dois deles por homicídio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Zema lamenta morte e critica ‘saidinhas’

O governador Romeu Zema (Novo) lamentou a morte do militar e voltou a criticar o benefício que permite presos saírem durante o período de Natal e Ano Novo.

“Perdemos o Sargento Dias. Meus sentimentos aos familiares, amigos e irmão de farda. Mesmo com todos os esforços dos médicos, o pai de família não voltou para casa, mas o criminoso que devia estar atrás das grades, por força da lei, estava nas ruas e causou essa perda irreparável”, finaliza o governador.