Guto Resende é eleito prefeito de São Joaquim de Bicas

    0
    976

    Guto foi eleito com 6.524 votos, contra 5.577 do ex-prefeito João Bosco (PMDB). Já o atual prefeito, Luciano Passos (PHS), obteve 1.483 votos. O estreante Tadeu Campos (PEN) ocupou a quarta colocação, com apenas 965 votos.

    Com uma campanha pautada por propostas, Guto Resende (DEM), que teve ao seu lado o empresário Rodrigo da Cerâmica (PPS), foi vitima de constantes ataques vindos de adversários. Guto não entrou na onda de ofensas e priorizou pautar questões referentes à melhoria da qualidade de vida dos moradores de São Joaquim de Bicas. A população por sua vez, cansada de ataques e de quatro anos de uma administração que abandonou a cidade, deu a resposta nas urnas, elegendo Guto como prefeito para a gestão 2017-2020.

    Desafio

    CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

    Um dos desafios do novo prefeito que assumirá em janeiro de 2017, será colocar as finanças da prefeitura em dia, já que a atual administração não tem conseguido pagar o  funcionalismo e fornecedores.

    Prioridades do prefeito eleito

    Em clima de festa após a apuração, Guto discursou em frente ao Comitê central, onde agradeceu o apoio e os votos obtidos e prometeu uma gestão mais eficiente e de participação popular. “Quero agradecer a todos que confiaram nesse projeto de reconstrução de São Joaquim de Bicas e reafirmo meu compromisso de retomar o crescimento econômico e social de nossa cidade”, finalizou.
     
    Transição

    O prefeito eleito já nomeou sua equipe de transição, que o ajudará nesta mudança de Governo, avaliando contratos e a estrutura da Prefeitura, para fazer um levantamento do atual quadro da gestão.
     
    População reelege maioria da Câmara

    Dos 11 vereadores, seis conseguiram a reeleição; Aécio (PMN),Fabinho do Bar (PP), Élcio Toloba (PSB), Professor Sidão (PPS), Coelho Doido (PV) e Serginho do Agostinho (PPS). Os novos eleitos foram, Flávio Zé Pó (DEM), Edilson Gouveia (PP), Anderson do Primavera (PMDB), além de Maize Ex-Conselheira (PMDB). O vereador com maior votação foi Arnaldo Batista (DEM), que já esteve na Câmara por vários mandatos e retorna com 465 votos.