Giovana, do Petrovale, e Ualter, da região Norte, vencem a quinta edição do Concurso Beleza Negra, realizado em Betim

0
201
Adeilson Andrade

A Casa da Cultura Josephina Bento foi palco, na noite dessa terça-feira (12), da final da 5ª edição do concurso Beleza Negra Betim 2023. O evento, promovido pela prefeitura, em parceria com Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial, reuniu os 20 finalistas – dez homens e dez mulheres – que venceram as seletivas realizadas ao longo de setembro e outubro em todas as regiões da cidade. Após avaliar critérios como beleza, desenvoltura, simpatia e torcida, a banca composta por sete jurados escolheu como vencedores a jovem Giovana da Silva, de 19 anos, do Petrovale, e Ualter Ventura, de 29 anos, da região Norte. Ao todo, cerca de 250 candidatos participaram das seletivas.

Além do casal vencedor, foram premiados os casais que ficaram em segundo e em terceiro lugar. Giovana e Ualter levaram para casa R$ 4.500 em prêmios. Já os segundos colocados – Kelly Ventura (Norte) e Orleidiano Cruz (Vianópolis) – receberam R$ 3.500 em prêmios. Os terceiros colocados – Francielle Cassiano (Vianópolis) e Deleon Souza (Centro) – receberam R$2.500 em prêmios.

“É inexplicável, estou muito grata e muito feliz! É a primeira vez que participo de um concurso assim e o sentimento é indescritível. É um espaço muito importante para reforçar a importância do empoderamento negro”, afirmou Giovana da Silva.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Estou extasiado! Agradeço a Deus, a todos que têm me apoiado e também à organização desse concurso tão bonito que nos dá esse empoderamento e nos faz ter força dentro da nossa cidade e do nosso país. Acho que todos os participantes são vencedores”, ressaltou Ualter Ventura.

“A ideia do concurso não é falar que um preto ou uma preta é mais bonito ou bonita, mas sim falar que nós podemos ser e estar onde quisermos. É um incentivo para a pessoa estudar, ser um professor, vereador, doutor, ou o que quiser. Nós precisamos só de respeito, mais nada”, salientou o coordenador do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial, José Joaquim de Brito, o Janaúba.

“O concurso teve um resultado muito positivo, fomentou a política de promoção da igualdade racial em toda a cidade. Foi mais um espaço de empoderamento e visibilidade para o povo preto de Betim, afinal o Conselho representa 66% dos pretos e pardos da cidade de Betim”, destacou a presidente do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial, Iracema Assis.

Veja o vídeo!

*Com informações de PMB