Alex de Freitas anuncia investimento de 54 milhões na educação

0
1172

O investimento de 54 milhões para a educação de Contagem foi anunciado
pelo prefeito Alex de Freitas, durante um encontro com  imprensa,
diretores e vice-diretores. O evento ocorreu nesta quarta-feira (19/04),
no auditório da PUC em Contagem. O pacote de melhorias tem a proposta
de criar novas vagas na rede municipal de ensino e promover mais
comodidade aos estudantes e educadores.

Entre as medidas está
construção de seis centros Municipais de Educação Infantil. Três já
começam a ser construídos em junho. Os três primeiros centros irão
atender as crianças nos bairros Arvoredo, Lúcio de Abreu e Tropical.
Segundo o secretário municipal de educação, Joaquim Antônio Gonçalves, a
escolha foi baseada em um estudo feito por uma equipe da Seduc. As
áreas possuem uma demanda identificada. Os investimentos dos seis
Centros Municipais de Educação Infantil serão de 11 milhões de reais.

Além
dos Cemeis, Contagem também vai ganhar uma escola de tempo integral. O
prédio, com capacidade para 620 alunos será construído no bairro
Arvoredo. O modelo de escola integral é novidade no município, já que a
metodologia é baseada em atividades voltadas para o trabalho com
projetos e interação de grupos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A proposta da administração é que
a instituição em tempo integrado também atenda estudantes matriculados
em outras escolas municipais da região. Aproximadamente 2000 estudantes
poderão participar de atividades complementares como cursos
profissionalizantes, de língua estrangeira, artes e informática. A obra
está orçada em 18 milhões de reais e a expectativa é que outras sete
escolas integrais sejam construídas na cidade. Uma em cada regional.

As
escolas já existentes também receberão investimentos. 32 foram
selecionadas para receber reformas completas. Em 12 delas, as melhorias
começam em junho. A previsão é que todas estejam prontas em um ano. A
liberação de recursos ultrapassa 21 milhões de reais.

As demais
escolas, que não entraram na lista de reformas completas serão pintadas.
Todas as instituições estarão com um estilo repaginado. A escolha será
feita em conjunto entre profissionais da Seduc, diretores e
vice-diretores. As pinturas de todas as escolas devem custar 3,5 milhões
de reais.